Cerrar
LLÁMANOS: +351 211 165 779

Cerrar
PEDIDO DE CONTACTO TELEFÓNICO

Envie-nos o seu número de telefone e entraremos em contacto o mais breve possível*.

*Serviço disponível de segunda a sexta-feira 9h00 - 18h00.

ENVIE-NOS UM E-MAIL

Complete o seguinte formulário de contacto.

Menu mobile Gesvalt | Sociedad de Tasación, Consultoría y Valoración Escíbenos Te llamamos
ATUALIDADE

Perfil do comprador de habitação: quais os fatores que temos em conta para o analisar?

24 Julho, 2017

Questões como os motivos da operação, as características do imóvel ou a geração a que pertencem os compradores marcam o panorama imobiliário atual.

Perfil do comprador de habitação: quais os fatores que temos em conta para o analisar?

Para conhecer a fundo o setor imobiliário é imprescindível saber quem é o comprador da habitação e a quem se dirigem os ativos no mercado. Em primeiro lugar, deve atender-se ao comportamento da procura. Por exemplo, no que se refere às mudanças de habitação, existem diversas motivações que podem conduzir a uma mudança:

  • Conseguir uma habitação mais moderna
  • Tamanho: conseguir uma habitação maior e com mais serviços
  • Geográfico: interesse em mudar de zona

As razões pelas quais, por vezes, essa mudança não é possível são:

  • As habitações disponíveis não cumprem as expectativas
  • Problemas de liquidez devido à redução do financiamento
  • Desequilíbrio económico: a oferta existente ultrapassa as suas possibilidades económicas
  • Dificuldade em efetuar a venda da própria habitação a um preço adequado às suas necessidades

Em meados da primeira década do século XXI muitas das compras eram realizadas como investimento e era habitual optar-se por pequenos apartamentos. Hoje em dia a mentalidade mudou e esses apartamentos perderam vantagem no mercado. Agora as pessoas procuram primeira habitação e, logicamente, os imóveis mais solicitados são habitações maiores que incluam estacionamento e arrecadação.

No momento de traçar o perfil do comprador de habitação imobiliário é interessante atender à geração a que pertence:

  • Os Baby-boomers (1955 – 1967) procuram uma mudança de casa para uma zona melhor, com melhores serviços, comodidades e maiores dimensões. Também é habitual que procurem segunda habitação para uma escapadinha de fim-de-semana ou férias. Não necessitam de grandes montantes em termos de financiamento.
  • Os integrantes da Geração X (1970 – 1980) estão a formar as suas famílias. Até há pouco tempo arrendavam casa e, atualmente, muitos procuram a primeira habitação.
  • Os Millenials (1985 – 2000) são ainda clientes potenciais no mercado habitacional. Se a taxa de desemprego continuar a descer e as condições laborais melhorarem, poderão começar a aceder a uma habitação mais adequada aos seus parâmetros económicos, caso também se concedam as condições de financiamento adequadas.

Na Gesvalt somos especialistas, consultores e analistas do setor imobiliário. Informe-se sobre os nossos serviços de consultoria aqui

SERVIÇOS RELACIONADOS
Categorías

Etiquetas
OTRAS NOTICIAS DE TU INTERÉS

Utilizamos cookies para garantir que lhe damos a melhor experiência na nossa página web enquanto usuário. Se continuar sem alterar as suas configurações, consideramos que aceita a sua utilização. No entanto, se quiser, pode alterar as suas configurações de cookies a qualquer momento. Leer política

Los ajustes de cookies de esta web están configurados para "permitir cookies" y así ofrecerte la mejor experiencia de navegación posible. Si sigues utilizando esta web sin cambiar tus ajustes de cookies o haces clic en "Aceptar" estarás dando tu consentimiento a esto.

Cerrar